Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Batistuta admite: ficou irritado ao ser superado por Messi

"Me doeu bastante. Ia a qualquer lugar do mundo e me apresentavam como máximo goleador da Argentina", afirmou o ex-atacante de 48 anos

O histórico goleador argentino Gabriel Omar Batistuta é admirador confesso de Lionel Messi, mas ficou bastante frustrado com o craque do Barcelona. O motivo: foi superado pelo camisa 10 como maior artilheiro da história da seleção argentina.

“Se me irritou ter perdido o recorde para Messi? Sim, um pouco. Bastante, não um pouco. Era um título que eu tinha, não era pouca coisa, ia a qualquer lugar do mundo e me apresentavam como ‘máximo goleador da Argentina'”, confessou Batistuta em entrevista à emissora Telefé.

Messi ultrapassou o recorde de “Batigol” em junho do ano passado, ao marcar contra os Estados Unidos seu 55º gol pela seleção. Hoje, tem 61 e segue aumentando sua marca, algo que alivia a “dor” de Batistuta. “A vantagem que tenho é ser o maior goleador depois de um extraterrestre”, brincou o ex-jogador de 48 anos. “Com Messi, é como se jogássemos com um a mais em campo.”