Clique e assine a partir de 9,90/mês

Autor de lance violento, Felipe Melo diz que derrubou rival com genitália

Jogador conversou com o árbitro na volta do intervalo do duelo entre Paleiras e Melgar: 'Ele falou que viu na televisão que era para cartão amarelo'

Por Estadão Conteúdo - 13 mar 2019, 12h56

Por causa de um lance ainda no primeiro tempo, o volante Felipe Melo poderia ter comprometido a vitória do Palmeiras sobre o Melgar no Allianz Parque, terça-feira, 12, pela Copa Libertadores. O jogador deu um carrinho violento por trás de Arias, mas levou só o cartão amarelo.

Não seria exagero se levasse o vermelho. Após a partida, ele tentou explicar o que havia acontecido. “O árbitro viu que não dei uma tesoura nele. Não pego com a sola do pé nas costas dele, minhas genitais (sic) encostam e derrubam ele”, comentou.

Tirando esse lance, Felipe Melo teve uma boa atuação na vitória por 3 a 0 sobre o time peruano. Foi dele, de cabeça, o gol que abriu o caminho para a vitória — Ricardo Goulart e Deyverson completaram o placar.

“Na volta do intervalo falei com o árbitro, ele falou que viu na televisão que era para cartão amarelo. Fiquei um pouco com medo. É complicado. Fui na volúpia de roubar a bola porque era contra-ataque, mas ele viu que aconteceu apenas uma falta”, prosseguiu o jogador.

Continua após a publicidade

O técnico Luiz Felipe Scolari evitou entrar no mérito da questão. Na entrevista coletiva, ele apenas justificou dizendo que não é sua responsabilidade analisar a arbitragem. “Não vi o lance de perto, quem viu foi o árbitro, se ele achou que era amarelo, ok. Quem sabe se eu tivesse do lado do Melgar eu ia brigar e dizer que merece. Achei que foi uma falta forte, mas o amarelo, naquele momento, era o mais correto. Mas não posso dizer, não tenho vídeo e nem ideia. Vocês, com os recursos todos, podem explicar mais que eu”, comentou.

Veja a tabela e classificação da Copa Libertadores

O Palmeiras agora se prepara para o clássico com o São Paulo, no próximo sábado, às 16h30, no Pacaembu, pela penúltima rodada da primeira fase do Campeonato Paulista. Uma vitória garante vagar antecipada às quartas de final.

Publicidade