Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

Argentina encerra jejum e alcança Uruguai como maior campeã

Equipe liderada por Messi quebrou uma sequência de 28 anos sem título e conquistou sua 15ª taça da Copa América

Por Luiz Felipe Castro Atualizado em 11 jul 2021, 18h03 - Publicado em 10 jul 2021, 23h05

A seleção argentina fez história na noite deste sábado, 10, no Maracanã, ao conquistar a 47ª edição da Copa América diante do Brasil. Além da façanha óbvia de ter superado o seu maior rival justamente no palco mais emblemático do continente, a equipe liderada por Lionel Messi encerrou um jejum de 28 anos sem conquistas e, de quebra, igualou o Uruguai como maior campeão do torneio, com 15 títulos. O Brasil permanece com nove.

Assine a revista digital no app por apenas R$ 8,90/mês

A primeira edição da Copa América ocorreu em 1916. Mesmo com a longa fila, a Argentina se manteve a maior parte da história no topo, pois largou bem na frente nas primeiras décadas do século passado, bem como o Uruguai. O Brasil, por sua vez, amargou um jejum de 40 anos, de 1849 até 1989. Vale lembrar, durante boa parte desse período, que coincidiu com o tricampeonato mundial, o Brasil deu importância secundária à competição.

Pelé e Zico, por exemplo, só disputaram o torneio uma vez cada e nenhum dos dois se sagrou campeão. Em diversas edições, a seleção enviou times alternativos ou sequer foi disputar o torneio. Nos anos 70 e 80, jogadores que atuavam fora do país não vinham disputar a competição sul-americana. Enquanto durou o jejum argentino, o Brasil venceu cinco edições (1997, 1999, 2004, 2007 e 2019). Confira, abaixo, a tabela de campeões.

Os maiores campeões da Copa América:

1º Uruguai: 15 (1916, 1917, 1920, 1923, 1924, 1926, 1935, 1942, 1956, 1959*, 1967, 1983, 1987, 1995, 2011)
– Argentina: 15 (1921, 1925, 1927, 1929, 1937, 1941, 1945, 1946, 1947, 1955, 1957, 1959*, 1991, 1993 e 2021)
3º Brasil: 9 (1919, 1922, 1949, 1989, 1997, 1999, 2004, 2007, 2019)
4º Paraguai: 2 (1953, 1979)
– Chile: 2 (2015, 2016)
– Peru: 2 (1939, 1975)
7º Colômbia: 1 (2001)
– Bolívia :1 (1963)

Continua após a publicidade
Publicidade