Clique e assine a partir de 9,90/mês

Após polêmica, Kaká vira ‘torcedor organizado’ nos EUA

Jogador brasileiro tocou até bateria junto com os fãs do Orlando City

Por Da redação - Atualizado em 21 ago 2017, 12h21 - Publicado em 21 ago 2017, 12h13

Suspenso por um cartão vermelho bastante controverso na Major League Soccer (MLS), o meia brasileiro Kaká virou torcedor no empate em 1 a 1 do Orlando City contra o Columbus Crew, neste sábado. Com uma camiseta roxa e um boné preto, incentivou a equipe e até tocou bateria na arquibancada.

Kaká ficou no setor destinado à torcida organizada, chamado de “The Wall” (O Muro), e foi muito assediado por torcedores extasiados com a presença do capitão do Orlando na arquibancada.

Após 25 jogos, o Orlando City é apenas o oitavo colocado dentre os onze times da Conferência Leste, com 31 pontos. Os seis primeiros se classificaram para os playoffs. O sexto colocado neste momento é o Montreal Impact, com 36 pontos.

Continua após a publicidade
Publicidade