Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
CLIQUE E RECEBA A REVISTA EM CASA A PARTIR DE R$14,90/MÊS Clique e receba em casa a partir de R$ 14,90

Após 13 anos, CR7 repete marca de Ronaldo fenômeno

Fenômeno também classificou os espanhóis nas quartas de 2003

Por Redação PLACAR Atualizado em 20 fev 2017, 10h55 - Publicado em 13 abr 2016, 12h57

O Real Madrid está todos os anos na disputa de mata-matas da Liga dos Campeões. Contudo, em 2016, Cristiano Ronaldo alcançou algo que não era conseguido desde 2003, com Ronaldo fenômeno. O hat-trick na fase mata-mata da Liga dos Campeões não era alcançado por um jogador do Real desde o brasileiro.

Cristiano Ronaldo marcou três vezes contra o Wolfsburg no Santiago Bernabéu e classificou o Real para a semifinal da Liga. O 3 x 0 reverteu a derrota de 0 x 2 na ida, e classificou o Real.

Contudo, o último hat-trick de um jogador do Real Madrid na fase de mata-mata fora em 23 de abril de 2003, também na fase quartas de final da Liga. Naquele dia, no Old Trafford, o Manchester United venceu o Real por 4 x 3, com três gols do brasileiro Ronaldo pelo time espanhol. Como o jogo da ida, em Madri, fora 3 x 1 para o Real, o clube chegou à semifinal e posteriormente seria campeão.

Ronaldo saiu aplaudido naquele dia em Manchester, mesmo com a eliminação do clube inglês. Naquele dia, Ronaldo abriu o placar para o Real, fez o 2 x 1 para o time espanhol e ainda fez o 3 x 2 para o clube, justamente contra o goleiro francês Barthez, contra quem não marcou pelo Brasil nas Copas de 1998 e 2006.

Continua após a publicidade
Publicidade