Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

A eterna paixão do futebol de mesa

Torneios são disputados no Brasil em várias categorias

O futebol de mesa, ou também conhecido como futmesa, que durante a infância de muitos costumava ser chamado de futebol de botão, é um esporte regulamentado pelo Ministério dos Esportes desde 1987. 

A partir da criação da Confederação Brasileira de Futebol de Mesa (CBFM), em 1992, entidade que promove, organiza, coordena e representa as federações na modalidade, hoje existem 17 estados – liados à CBFM, 154 clubes e mais de 2.000 atletas federados.

Em São Paulo, a Federação Paulista de Futebol de Mesa (FPFM) fomenta o futebol de mesa como esporte de desenvolvimento pessoal e elemento de integração social.

A FPFM tem diversas modalidades englobadas, são elas a subteo, sectorball, ‘1 toque’, ‘3 toques’, dadinho e o ‘bola 12 toques’, que é a categoria com o maior número de a liados. Nela, há torneios individuais, para os adultos e master, acima de 42 anos, realizados durante todo o ano, e os torneios de equipes, com mais de 15 clubes filiados, dentre os quais se destacam o Palmeiras, Corinthians, Portuguesa Santista e Bragantino. 

Durante o mês de maio, na cidade paulista de Botucatu, foi disputado o 28º Campeonato Brasileiro Individual, na modalidade bola 12 toques. Com 172 atletas de 11 estados, em três categorias, adulto, master e sub-18, a competição contou com atletas associados a outros grandes clubes brasileiros, tais como Vasco, Flamengo, Fluminense, Goiás, Sport, Ceará e Londrina, que disputaram, gol a gol, o maior título nacional do ano.

Os sites da FPFM e da CBFM trazem informações sobre todos os clubes filiados, seus endereços e telefones, para contato e sobre como participar de clínicas que têm como objetivo divulgar o esporte e atrair novos adeptos.

Manoel Moura, botonista do Quixadá, campeão na categoria master – DIVULGAÇÃO/FUTMECE

No período de 25 a 27 de março de 2016 foi disputado o I Campeonato Norte/Nordeste de Futebol de Mesa na modalidade 12 Toques. Participaram 64 botonistas divididos em duas categorias: adulto e master. A competição, organizada pela Federação de Futebol de Mesa do Ceará (Futmece) com a chancela da Confederação Brasileira de Futebol de Mesa (CBFM), reuniu cinco estados: Alagoas, Amazonas, Ceará, Pernambuco e Piauí.

Foi a primeira vez que a competição contou com a participação dos times do Norte do país. Até então era disputada apenas entre os clubes do Nordeste e foi vencida, na categoria adulto, sete vezes por Pernambuco e uma vez pelo estado do Ceará. Na categoria master, Pernambuco ganhou cinco títulos e Alagoas venceu três vezes.