Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

A Argentina sobreviveu, e agora? O duelo com o Brasil pode ser mais cedo

Má fase do time de Lionel Messi pode colocar o maior rival do Brasil no caminho da seleção de Tite já nas quartas de final

BELO HORIZONTE – O empate com o Paraguai complicou a situação da Argentina. O time é o último colocado do grupo B da Copa América após duas partidas disputadas. Se não vencer o Catar, o time de Lionel Messi volta para casa ainda na primeira fase. A situação é tão complicada que, mesmo que consiga a classificação, a combinação de resultados pode colocar o Brasil no caminho antes do que todos esperavam.

Tabela completa da Copa América 2019

Existem duas possibilidades do maior clássico do continente acontecer já nas quartas de final. Se o Brasil ficar em primeiro lugar do grupo A, a Argentina em terceiro da sua chave e o grupo C não tenha um dos melhores terceiros colocados. Para que isso aconteça, Brasil, Venezuela, Argentina e Paraguai precisariam vencer na terceira rodada. Se tudo isso se confirmar, o duelo entre brasileiros e argentinos aconteceria no dia 27 de junho, às 21h30, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

A outra chance – e que não depende do que acontece no terceiro grupo – seria se as duas seleções ficassem em segundo nas suas chaves. O Brasil teria que perder para o Peru e contar com pelo menos um empate da Bolívia contra a Venezuela, ou empatar, ver uma goleada dos venezuelanos e ficar atrás no saldo (o Brasil tem três gols a favor contra zero do rival). Do lado argentino, bastaria vencer o Catar e torcer para a Colômbia, já classificada na liderança do grupo B, não perder do Paraguai. Assim, Brasil x Argentina seria no dia 28 de junho, às 16h, no Maracanã, no Rio de Janeiro.

A tabela foi formada para que Brasil x Argentina acontecesse apenas na final, no dia 7 de julho, na capital carioca. Para isso, as duas seleções precisavam corresponder às expectativas e se classificarem em primeiro. Porém, a Argentina conquistou apenas um ponto em duas partidas e já não pode alcançar a Colômbia, que venceu seus dois jogos e chegou aos seis pontos. Se vai cruzar o caminho do Brasil já na próxima fase ainda é uma incógnita, mas precisa conseguir a primeira vitória na Copa América para não passar pelo maior vexame possível: cair ainda na fase de grupos.