Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Washington legaliza casamento entre homossexuais

Washington, 13 fev (EFE).- A governadora de Washington, Chris Gregoire, promulgou nesta segunda-feira a lei que legaliza o casamento homossexual no estado, onde gays e lésbicas poderão casar-se a partir do próximo dia 7 de junho.

Segundo afirmou à Agência Efe um porta-voz do escritório da governadora, Gregoire assinou hoje a lei – na presença de defensores dos direitos homossexuais – que transformará Washington no sétimo estado do país que aprova esta união.

Desta forma, a governadora democrata deu sinal verde à lei aprovada pela Câmara de Representantes de Washington na quarta-feira passada.

‘Dizemos à nação que o estado de Washington já não nega a seus cidadãos a oportunidade de casar-se com a pessoa que amam e dizemos a todas as crianças de casais do mesmo sexo que sua família é tão importante como todas as outras famílias de nosso estado’, declarou a governadora em comunicado após a aprovação parlamentar.

Acrescentou que os congressistas do estado agiram com ‘coragem, respeito e profissionalismo’ para pôr fim a ‘uma era de discriminação’.

As associações de homossexuais do estado de Washington receberam hoje a nova lei como ‘um avanço significativo’ e com ‘grande satisfação’, segundo disse à Efe Mac Partlow, de Conselho de Gays, Lésbicas e Bissexuais de Seattle.

A lei entrará em vigor no próximo dia 7 de junho, já que devem passar 90 dias desde sua promulgação, embora os opositores à norma busquem mecanismos legais para anular o texto antes que entre em vigor.

Concretamente, a intenção é obter os mais de 120 mil apoios mediante um plebiscito para evitar que entre em vigor no próximo mês de junho ou promover outra lei que cote o conceito de casamento à união entre uma mulher e um homem, de acordo com o jornal local ‘The Seattle Times’.

Em janeiro e após anos de ambivalência, a governadora Gregoire anunciou que apoiaria o casamento homossexual e ressaltou que sua postura contradizia as doutrinas de sua fé católica.

Com 55 votos a favor e 43 contra, a Câmara de Representantes de Washington deu sinal verde na semana passada à lei, que já tinha sido aprovada pelo Senado estadual em janeiro.

O casamento entre pessoas do mesmo sexo é legal nos estados de Nova York, Connecticut, Iowa, Massachusetts, New Hampshire e Vermont, assim como no Distrito de Columbia.

Outros estados, especialmente na costa Leste e Oeste, permitem outros tipos de reconhecimentos legais para casais de gays e lésbicas.

Um tribunal federal de apelações na Califórnia declarou na terça-feira passada que a proibição dos casamentos entre pessoas do mesmo sexo é inconstitucional, o que representa um passo adiante para a aprovação das uniões entre homossexuais nesse estado. EFE