Clique e assine com até 92% de desconto

Vítimas do Titanic ganham momento em Belfast, na Irlanda do Norte

Por Da Redação 15 abr 2012, 09h44

Londres, 15 abr (EFE).- Um monumento dedicado as mais de 1,5 mil vítimas do Titanic foi inaugurado neste domingo em Belfast, na Irlanda do Norte, onde foi construído o transatlântico, coincidindo com o centenário do naufrágio em 15 de abril de 1912.

Uma criança de 12 anos, descendente do médico do navio que morreu no acidente, descobriu uma placa de bronze com a lista dos nomes por ordem alfabética de todas as pessoas que morreram no naufrágio mais famoso da história.

A mítica embarcação foi construída nos estaleiros Harland & Wolff da capital da Irlanda do Norte em 1911, por isso os familiares dos trabalhadores que participaram da obra também foram à cerimônia, realizada junto a Prefeitura da cidade e à qual assistiram milhares de pessoas.

É a primeira vez que se dedica um monumento às vítimas – membros da tripulação, passageiros e músicos – sem a diferenciação de classes na qual viajavam ou o trabalho que desempenhavam.

A presidente da sociedade do Titanic de Belfast, Una Reilly, disse que a cidade se sente ‘orgulhosa’ do navio apesar do naufrágio após a colisão contra um iceberg em águas do Atlântico Norte.

As autoridades locais prepararam um programa de eventos que finalizaram neste domingo e que misturou atos solenes com grande concerto ao ar livre.

Além disso, em 31 de março foi inaugurado o Belfast Titanic, um espetacular centro interativo junto aos estaleiros onde foi construído o mítico transatlântico. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade