Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Vídeo: polícia invade sede de partido no Paraguai e mata jovem

O ministro do Interior e o comandante da polícia foram destituídos na tarde deste sábado

Por Da redação 1 abr 2017, 16h29

O Ministério Público do Paraguai divulgou um vídeo que mostra o momento em que a polícia invade a sede do Partido Liberal Radical Autêntico (PLRA), em Assunção, e mata o jovem Rodrigo Quintana. O estudante foi atingido por uma bala de borracha na cabeça na noite de sexta-feira.

Segundo relatos de testemunhas, os policiais invadiram o local procurando por Efraín Alegre, presidente do PLRA, mas abriram fogo contra todas as pessoas no local. Rodrigo chegou a ser transferido para um hospital local, mas não resistiu. Após os incidentes de sexta-feira, o ministro do Interior, Tadeo Rojas, e o comandante da Polícia, Críspulo Sotelo, foram destituídos na tarde deste sábado.

As investigações da polícia sobre os responsáveis pela morte do jovem ainda não foram encerradas. Segundo a fiscal Raquel Fernández, responsável pelo caso, os agentes que participaram da operação no PLRA já foram identificados, porém ainda não é possível saber quem deu o disparo que matou Rodrigo.

Protestos – Várias centenas de pessoas protestaram na frente do Congresso e colocaram fogo nas portas no prédio na noite de sexta. Jovens que tentavam invadir o local ficaram gravemente feridos. Segundo a imprensa local, 211 manifestantes foram detidos.

Os protestos começaram depois que um grupo de 25 senadores aprovou um projeto para habilitar a reeleição presidencial em uma reunião convocada de surpresa. O encontro a portas fechadas contou a presença de governistas e aliados do governo. A decisão foi tomada sem a presença de diversos legisladores e do presidente do Senado, Roberto Acevedo.

Continua após a publicidade

Publicidade