Clique e assine com até 92% de desconto

Vídeo mostra americanos matando repórteres e choca EUA

Por Da Redação 6 abr 2010, 21h54

Um vídeo que mostra militares americanos matando a tiros de helicóptero dois funcionários da agência de notícias Reuters está causando polêmica nos Estados Unidos.

Nas cenas, a tripulação de um helicóptero Apache pede permissão para atirar em um grupo de homens que alega circular armado em Bagdá. De acordo com a organização não governamental Wikileaks, responsável pela divulgação do vídeo, um dos alvos era um fotógrafo da Reuters, Namir Noor-Eldeen, 22. Que, como tal, carregava uma câmera � não um fuzil AK-47, como diziam os militares.

Outro dos atingidos no ataque era motorista da agência, Saeed Chmagh, 40. Nenhum deles realizava um ato hostil contra o Iraque ou os EUA, como declarou, na época, o Pentágono.

As imagens tiveram sua autenticidade confirmada por uma fonte militar, segundo o jornal The New York Times, e vêm se tornando o maior escândalo da Guerra do Iraque desde as fotos de tortura na prisão de Abu Ghraib.

Video

Continua após a publicidade
Publicidade