Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vídeo de assédio e agressão contra estudante em Paris choca a França

Jovem de 22 anos foi estapeada após pedir que homem parasse de fazer comentários obscenos sobre ela

Um vídeo que mostra uma estudante sendo assediada e depois agredida por um homem desconhecido em Paris, na França, está chocando o país.

As imagens foram captadas por uma câmera de segurança e compartilhadas nas redes sociais pela própria estudante, Marie Laguerre, de 22 anos.

O vídeo mostra o momento exato em que ela é estapeada pelo assediador em frente a uma cafeteria na região nordeste da capital francesa, depois de pedir para ele parar de assediá-la. A gravação viralizou e já foi vista mais de 1 milhão de vezes só no Facebook.

De acordo com a declaração dada por Laguerre à imprensa francesa, ela estava voltando do trabalho na semana passada quando o homem começou a fazer comentários ofensivos e obscenos sobre ela, além de “barulhos com conotação sexual”.

“Não foi a primeira vez (que algo do tipo aconteceu) naquele dia, nem naquela semana, nem naquele mês. Eu fiquei com raiva e gritei ‘cala a boca’. Achei que ele não ia ouvir, mas ele ouviu”, disse ela a uma rede de televisão.

O homem respondeu primeiro atirando um cinzeiro contra ela, mas errou por centímetros. Ele então foi até ela e a acertou no rosto.

Após voltar para casa, Laguerre decidiu denunciar o homem à polícia. Ela pegou os depoimentos das testemunhas no local e conseguiu o vídeo gravado pelas câmeras da cafeteria com o dono do estabelecimento.

“Não posso ficar calada, não podemos ficar em silêncio”, escreveu a jovem no Facebook. O agressor, contudo, ainda não foi identificado.

O caso acontece no momento em que o governo da França se prepara para aprovar uma nova legislação que punirá assédios na rua com multas de até 750 euros (3.200 reais). A iniciativa ganhou grande apoio após a popularização do movimento #MeToo e seu equivalente francês #BalanceTonPorc (denuncie o porco, em tradução livre).

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Social Democrata

    Bando de homens frouxos. Se fosse aqui no Brasil, esse cara ia tomar muita cacetada.

    Curtir

  2. Ataíde Jorge de Oliveira

    TiPi¢aMenT&,
    ,FRan¢ezZz:
    KoVarDãO
    ;HiPó¢¢RÏTA
    &
    $empre! — à ¢aTTa de HüM ( 1 )_PRiVÏ££éGÏ@.R$…rs…R$ 😮

    Curtir