Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Venezuela dá apoio legal e diplomático a Carlos, o Chacal

Por Da Redação 19 nov 2011, 10h28

O governo venezuelano dá apoio legal, diplomático e logístico a Ilich Ramírez, conhecido como “Carlos, o Chacal”, para que desenvolva sua defesa no julgamento que enfrenta na França por quatro atentados cometidos nos anos 80, afirmou o chanceler Nicolás Maduro.

“Estamos em contato com a família apoiando em tudo o que é possível e um pouco mais, do ponto de vista humano, legal, diplomático, logístico para que seja garantido o direito de defesa e que possa continuar o processo de defesa nos tribunais franceses”, disse Maduro ao canal oficial VTV.

Na semana passada, o presidente Hugo Chávez afirmou que Ramírez “independente das acusações, foi um digno continuador das grandes lutas pelos povos” e determinou que o chanceler fiscalizasse o respeito a seus direitos.

O venezuelano é julgado por quatro atentados cometidos nos anos 80 na França que deixaram 11 mortos e 150 feridos.

Ramírez, 62 anos, já foi condenado à prisão perpétua em 1997 pelo assasinato de dois policiais franceses e um informante.

Continua após a publicidade

Publicidade