Clique e assine a partir de 9,90/mês

Venezuela anuncia que iniciará sua saída da OEA

Em pronunciamento na televisão estatal, ministra das Relações Exteriores venezuelana disse que Nicolás Maduro enviará pedido de saída nesta quinta-feira

Por Da redação - 26 abr 2017, 20h36

A ministra das Relações Exteriores da Venezuela, Delcy Rodríguez, anunciou nesta quarta-feira que seu país iniciará amanhã um procedimento para deixar a Organização de Estados Americanos (OEA), depois que a entidade convocou uma reunião de chanceleres sem o aval venezuelano.

“Amanhã, tal como indicou o presidente Nicolás Maduro, apresentaremos a carta de denúncia à OEA e iniciaremos um procedimento que demora 24 meses”, disse Rodríguez no Palácio presidencial de Miraflores, em mensagem transmitida pela rede estatal VTV.

A saída já era esperada depois que Rodríguez, na terça-feira, ameaçou deixar a OEA caso a organização insistisse na reunião, e é uma reação à crescente pressão internacional para conter a crise na Venezuela. Rodríguez afirmou que o governo Maduro foi forçado a tomar essa atitude pelo que vê como uma tentativa da OEA e dos “governos regionais conservadores” de derrubar o presidente.

(Com EFE e Estadão Conteúdo)

Publicidade