Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vazamento de petróleo na China pode ser um dos piores da história, diz Greenpeace

O Greenpeace afirmou nesta sexta-feira que o vazamento de petróleo que ocorreu no último dia 16 no nordeste da China pode ter sido 60 vezes maior do que o governo admite, o que o situaria entre as piores marés negras da história.

Segundo a ONG, de 60.000 a 90.000 toneladas de óleo foram derramadas no Mar Amarelo depois da explosão de dois oleodutos na zona portuária de Dalian. Essa estimativa é muito superior à de 1.500 toneladas informadas pelas autoridades chinesas.

Richard Steiner, especialista em conservação marinha da Universidade do Alasca (EUA) e assessor do Greenpeace afirmou que se trata de “um dos 30 maiores vazamentos de petróleo da história da humanidade”. Steiner disse que se a estimativa do Greenpeace estiver correta, o vazamento é maior do que o do ‘Exxon Valdez’ no Alasca, em 1999.

(Com agência France-Presse)