Clique e assine a partir de 9,90/mês

Unasul repudia atentados das Farc na Colômbia

Por Luis Robayo - 5 fev 2012, 13h36

A Secretaria-Geral da União das Nações Sul-Americanas (Unasul) repudiou os atentados da guerrilha das Farc, que deixaram pelo menos 15 mortos e cem feridos durante a semana, no sudoeste da Colômbia, segundo comunicado divulgado domingo no Equador.

O órgão, dirigido pela ex-chanceler colombiana María Emma Mejía, expresou sua “rejeição enérgica aos atos de terrorismo cometidos pelas forças insurgentes” nas localidades de Tumaco e Villa Rica, e lamentou a “perda de vidas humanas causada pela violência”.

A Secretaria, com sede em Quito, manifestou “pesar às famílias das pessoas falecidas””.

O primeiro ataque ocorreu na quarta-feira no porto de Tumaco, onde uma motocicleta explodiu perto de uma delegacia, deixando nove muertos e cerca de 70 feridos. O segundo atentado aconteceu na quinta-feira, em Villa Rica, tendo sido praticado com um carro-bomba que fez seis mortos e 30 feridos.

Continua após a publicidade
Publicidade