Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Turista italiana é sequestrada no sudeste da Argélia

Autoridades informaram que ela foi raptada por integrantes da Al Qaeda

Uma turista italiana que viajava com um motorista e um guia foi sequestrada no sudeste da Argélia, informaram fontes dos serviços de segurança da região, nesta sexta-feira. De acordo com as autoridades, ela foi raptada por integrantes da rede terrorista Al Qaeda.

A italiana, de 56 anos, que não teve a identidade revelada, foi sequestrada na noite da última quarta-feira, na área de Alidem, 130 km ao sul de Djanet, a principal cidade do sudeste argelino. O motorista e o guia foram liberados pouco depois.

Rebeldes do braço norte-africano da Al Qaeda mantêm-se ativos no deserto do Saara e já sequestraram vários estrangeiros. Contudo, até agora a maioria das atividades se restringia às áreas do deserto ao sul da fronteira da Argélia. “Parece que esse é um grupo que foi solto da prisão há alguns meses, que depois se uniu à Al Qaeda e agora sequestrou essa mulher italiana”, disse à Reuters uma fonte da segurança argelina, falando sob a condição de anonimato.

De acordo com a a APS, agência oficial de notícias do país, uma grande operação, envolvendo os serviços de segurança e os militares, foi iniciada para encontrar a mulher.

(Com agências France-Presse e Reuters)