Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump diz que ‘sonha’ em enfrentar o ex-vice-presidente Biden em 2020

Depois de indicar sua intenção de concorrer à reeleição, americano ridiculariza um de seus potenciais adversários democratas

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira (19) que “sonha” ter como rival nas eleições de 2020 o democrata Joe Biden, vice-presidente durante o governo de Barack Obama (2010-2017). Para ele, Biden seria um candidato  fácil de vencer.

“Sonho, sonho com Biden. É um sonho”, disse Trump, que repetiu sua intenção de disputar a reeleição em 2020, em entrevista transmitida hoje pela emissora de televisão CBS News.

O presidente americano disse que Biden já “concorreu pela presidência três vezes”, apesar de o ex-vice-presidente só ter tentando chegar a esse cargo em duas ocasiões  nas primárias democratas de 1988 e de 2008.

“Nunca obteve mais de 1% (de apoio nas primárias), o presidente Obama lhe tirou do monte de lixo, e todo mundo se surpreendeu com isso”, ironizou Trump.

“Adoraria que fosse Biden. Agora há provavelmente um grupo de sete ou oito [pré-candidatos democratas], e eu gostaria de concorrer com qualquer um deles. Biden nunca fez nada por sua conta, só quando o presidente Obama o tornou vice-presidente”, acrescentou.

Embora Biden não tenha confirmado sua pretensão às eleições presidenciais de 2020, algumas pesquisas o perfilaram como o favorito do lado democrata.

O ex-vice-presidente, de 75 anos, teve durante sua carreira bastante sucesso na classe trabalhadora branca, embora não esteja claro se poderá repetir essa façanha em uma disputa presidencial.

Outros nomes que soam como possíveis candidatos do partido são as senadoras progressistas Elizabeth Warren, Kamala Harris e Kirsten Gillibrand, o ex-procurador-geral Eric Holder, o senador democrata Cory Booker e o senador independente Bernie Sanders que, em 2016, concorreu nas primárias contra Hillary Clinton.

(Com EFE)