Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump diz estar ‘comprometido’ com a segurança do Japão

O presidente americano se reuniu com Shinzo Abe, primeiro-ministro japonês, para discutir a cooperação entre os dois países

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o premiê japonês Shinzo Abe enfatizaram os laços entre os dois países no âmbito da segurança e da economia, durante encontro em Washington, nesta sexta-feira. A dupla ressaltou a importância da “cooperação militar”, especialmente em relação à Coreia do Norte e à expansão chinesa do Mar do Sul da China.

“Estamos comprometidos com a segurança do Japão e em todas as áreas sob seu controle administrativo e no fortalecimento de nossa crucial aliança”, afirmou o presidente republicano, em conferência na Casa Branca. Segundo Trump, a aliança entre Estados Unidos e Japão é “um pilar da paz” na região Ásia-Pacífico.

Em seu discurso, Abe destacou a necessidade de fortalecer a relação comercial e econômica entre as nações. O encontro acontece menos de um mês após Trump anunciar que os Estados Unidos não participarão do Acordo de Associação Transpacífico (TPP, na sigla em inglês), uma parceria comercial entre doze países, defendida pelo Japão.

Mudando o tom protecionista, o presidente americano disse irá buscar expandir acordos com o país de Abe, desde que sejam “livres, justos e recíprocos”. Já Abe comentou que irá contribuir para a melhoria da infraestrutura dos Estados Unidos. “Haverá ainda mais empregos”, afirmou o premiê.

Além das conversas desta sexta-feira, o republicano separou dois dias em sua agenda para discussões e encontros com Abe. No fim de semana, o japonês viajará com Trump para Mar-a-Lago, sua propriedade em Palm Beach, Flórida, a bordo do avião Air Force One. Os dois marcaram uma partida de golfe para o próximo sábado.

(Com Reuters)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.