Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump culpa “imprensa trapaceira” por derrota nas pesquisas

O republicano fez uma série de postagens contra a imprensa no Twitter e criticou o jornal The New York Times e a rede CNN durante comício

O candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, Donald Trump, está cada vez mais revoltado com a imprensa americana. Durante um comício em Fairfield, Connecticut, na noite de sábado, Trump afirmou que não está concorrendo apenas contra “Hillary trapaceira” (“crooked Hillary”), seu apelido para a adversária democrata, mas também contra a “mídia trapaceira”.

Trump culpou a imprensa por seu fracasso, após as pesquisas mais recentes mostrarem uma vantagem de, em média, sete pontos porcentuais para Hillary Clinton, de acordo com o site Real Clear Politics. “Se a mídia nojenta e corrupta me cobrisse honestamente e não desse significados falsos para as palavras que digo, eu estaria ganhando de Hillary com 20%”, escreveu via Twitter, no domingo, em uma série de postagens críticas à imprensa.

Leia também:
Republicanos pedem que partido corte financimento de Trump
Obama é fundador do EI e Hillary é co-fundadora, diz Trump
Donos de armas podem deter Hillary Clinton, insinua Trump

Desde o início de sua campanha, Trump já barrou de seus eventos de campanha o jornal The Washington Post e os sites de notícia Politico e The Daily Beast, dois dos mais importantes dos Estados Unidos. No comício de sábado, o republicano chegou a comentar que o jornal The New York Times iria para o inferno e ameaçou retirar a credencial do veículo, sob aplausos do público. Trump também atacou a rede CNN e afirmou que a emissora é “nojenta”.

Em uma das postagens de domingo, o candidato comentou que “não é ‘liberdade de imprensa’ quando jornais e outros podem dizer e escrever o que querem, mesmo que seja completamente falso”. O comentário gerou críticas de repórteres nas redes sociais, que afirmaram que Trump ameaça a Primeira Emenda da Constituição americana, cujo objetivo é proteger que o governo interfira na imprensa.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Napoleao Gomes

    Hugo Chaves Maduro americano! Só falta ele pedir boicote aos produtos dos EUA…

    Curtir