Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Trump anuncia substituição da secretária de Segurança Nacional

Kirstjen Nielsen, defensora da política migratório do presidente, será substituída interinamente por Kevin McAleenan

Por AFP Atualizado em 30 jul 2020, 19h50 - Publicado em 7 abr 2019, 20h19

O presidente americano, Donald Trump, anunciou neste domingo, 7, que a secretária de Segurança Nacional, Kirstjen Nielsen, defensora de primeira linha da controversa política migratória de seu governo, deixará o cargo.

“A secretária de Segurança Nacional, Kirstjen Nielsen, deixará seu posto, e quero agradecer-lhe por seus serviços”, publicou Trump, em sua conta no Twitter. Em outro tuíte, ele acrescentou que o comissário encarregado da Alfândega e Proteção Fronteiriça, Kevin McAleenan, será o secretário interino.

Nielsen ingressou no governo Trump em janeiro de 2017 como assistente do primeiro secretário de Segurança Nacional da administração republicana, John Kelly. Quando Kelly foi para a Casa Branca como chefe de gabinete, em julho daquele ano, Nielsen o acompanhou como sua vice.

Mas em outubro, ela voltou para a secretaria de Segurança Nacional, desta vez como titular. Nesta função, ela se tornou a face da política anti-imigração de Trump, incluindo a prática amplamente condenada de separar pais e filhos migrantes.

  • A relação de Nielsen com Trump sempre foi difícil. Mas apesar dos informes das queixas constantes do presidente sobre seu desempenho, ela se manteve leal.

    No mês passado, ela defendeu a declaração do presidente da emergência nacional para assegurar o financiamento de seu projeto mais acalentado: a construção de um muro na fronteira entre Estados Unidos e México.

    Continua após a publicidade
    Publicidade