Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump anuncia medidas anti-imigração nesta quarta

Muçulmanos e refugiados serão os principais afetados pelas resoluções, segundo imprensa americana

A entrada de imigrantes em território americano é o alvo das ações do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nesta quarta-feira, segundo a imprensa do país.

A agenda anti-imigração de Trump inclui, de acordo com Fox News, New York Times e Washington Post, a suspensão do programa de refugiados por quatro meses, o aumento do contingente de agentes nas fronteiras e a proibição temporária da entrada de pessoas vindas do Iraque, Irã, Líbia, Síria, Somália, Sudão e Iêmen – países de maioria muçulmana -, até a criação de novas políticas de concessão de vistos. Trump também pretende apertar o cerco contra governantes locais que se recusam a deportar imigrantes ilegais e manter funcionando a prisão de Guantánamo, que o democrata Barack Obama tentou fechar.

Uma das principais bandeiras da campanha presidencial do republicano ressaltava que a imigração ilegal nos Estados Unidos ameaça a segurança do país.

Por meio de um tuíte na noite dessa terça, o republicano prometeu cumprir uma de suas mais controversas promessas de campanha: construir um muro na fronteira com o México.

“Grande dia planejado para a SEGURANÇA NACIONAL amanhã. Entre muitas outras coisas, vamos construir o muro!” tuitou ontem o presidente americano.

De acordo com a emissora Fox News, o republicano deve visitar o Departamento de Segurança Interna do país hoje para anunciar as novas medidas.

Visita mexicana

As medidas para frear a imigração serão anunciadas no dia da chegada aos Estados Unidos do ministro das Relações Exteriores do México, Luis Videgaray. O chanceler desembarca em Washington para preparar a visita do presidente mexicano Enrique Peña Nieto ao país, na semana que vem.

Pouco antes da posse de Trump, no dia 20 de janeiro, o governo mexicano declarou que não pagará a conta da construção do muro, que cobrirá 3.200 km de fronteira e poderá custar 20 bilhões de dólares. O presidente Peña Nieto reafirmou, no entanto, que está disposto a trabalhar para ter uma boa relação com o governo Trump.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. As medidas não são anti-imigração e sim reguladoras da imigração. Os esquerdistas de veja manipularam o titulo da matéria. Aposto que se eu quiser entrar na redação de Veja tenho que ter crachá ou convite. Baseado nisso digo que a Veja não deixa pessoas entrarem na redação e são preconceituosas. Se a imprensa e livre porque a redação de VEJA não e ?

    Curtir

  2. célio alvarenga marques

    o fracasso de audiência não dura 1 mandato!mike pence presidente já em 2018,pode apostar!

    Curtir

  3. Carlos Marques

    Ele foi eleito, anunciando tudo o que ia fazer… Veja, feche a boca, para não cair o queixo!

    Curtir

  4. Carlos Marques

    Perfeito, airplane! Ei, Veja! Eu vou aí visitar vocês! E quero um emprego! Sou pobre, e descendo de imigrantes!!

    Curtir

  5. Carlos Marques

    “Casa Branca: sob nova direção!”

    Curtir

  6. célio alvarenga marques

    vocês trumpistas são tão bonitinhos quando ficam embirradinhos com críticas ao “baixa audiência da casa branca”!ficam magoadinhos é?só pode elogiar?tadinhos?são tão mimadinhos ,devem ter sido criados pelas vovós com danoninho e leite com toddy!só não façam pipi na cama ,por favor!usem o troninho!

    Curtir

  7. A bolsa de valores so esta subindo. Quem entende sabe que agora os US tem um gerente e liderança. Ate quem votou na Hilary ja estão felizes de ver os preços de suas ações valorizarem.

    Curtir

  8. Trump tem que proibir a existencia do partido democrata, acabar com o comunismo e fechar o acesso do pais para a america latina, com exceção de nossos pastores que devem ir la aprender os bons costumes e trazer para ca.

    Curtir

  9. célio alvarenga marques

    “até quem votou na hillary JÁ ESTÃO FELIZES”!quando o nível intelectual do debate melhorar eu volto!crooked donald:só 37%de aprovação!só os caipiras ignorantes e os bolsonaristas enrustidos daqui gostam dele!

    Curtir