Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Tropas americanas matam um dos chefes do Estado Islâmico

Abu Sayyaf era responsável por dirigir as operações financeiras e de petróleo e gás do grupo

Por Da Redação 16 Maio 2015, 11h36

As forças de operações especiais dos Estados Unidos mataram neste sábado um dos chefes do grupo terrorista Estado Islâmico (EI) durante uma rara intervenção militar por terra em al-Amr, na região leste da Síria. Segundo a Casa Branca, o presidente Barack Obama ordenou a ofensiva que culminou na morte do radical identificado como Abu Sayyaf. Ele era responsável por dirigir as operações financeiras e de petróleo e gás do grupo. Sua mulher, Umm Sayyaf, foi capturada pelos militares e está presa no Iraque.

Leia também:

Estado Islâmico invade prédio do governo em Ramadi, no Iraque

Palmira, joia arqueológica mundial, está ameaçada por jihadistas

Após morte de número 2, chefe do Estado Islâmico divulga mensagem em áudio

A porta-voz do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca, Bernadette Meehan, afirmou em comunicado que Sayyaf foi morto pelos militares após reagir a uma ordem de prisão. “O presidente [Obama] autorizou esta operação sob a recomendação unânime de seu time de segurança nacional, assim que fosse desenvolvida inteligência suficiente e estivéssemos confiantes de que a missão poderia ser executada com sucesso e estivesse consistente com todas as exigências”, disse Meehan.

Bernadette destacou que a operação foi conduzida “com total consentimento das autoridades iraquianas” e “de acordo com as leis doméstica e internacional”. Um ataque aéreo operado pela coalizão internacional chefiada pelos Estados Unidos, na quarta-feira, já havia acarretado na morte de Abu Alaa Afri, considerado o segundo terrorista mais importante na hierarquia do EI.

(Com agência Reuters)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)