Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trabalhos de resgate mobilizam Oklahoma após tornado

Em Moore, 101 pessoas foram resgatadas sob escombros na madrugada

Os trabalhos de resgate às vítimas de um tornado devastador mobilizam nesta terça-feira a região metropolitana de Oklahoma City, nos Estados Unidos. Nesta madrugada, 101 pessoas foram encontradas vivas sob os escombros no distrito de Moore, uma das áreas mais afetadas pela tragédia. De acordo com a CNN, pelo menos 145 pessoas foram hospitalizadas.

Segundo legistas do Centro Médico da cidade, há 24 mortes confirmadas até o momento, embora anteriormente tenha se falado em 91 vítimas fatais, vinte delas crianças.

Saiba mais

TORNADO

Tipo de tormenta que costuma durar menos de três minutos, mas é muito violenta, os tornados são o resultado do choque entre duas correntes de ar – uma quente e úmida, outra fria e seca. Quando as duas se encontram em alta velocidade, o ar quente é lançado para o alto, se condensa e inicia uma tempestade que pode atingir até 800 km/h, o bastante para destruir todas as construções que encontrar pelo caminho.

“O número agora é 24″, disse Amy Elliot, chefe do setor de autópsia do Centro Médico de Oklahoma City.”Houve muito caos”, afirmou, em referência à estimativa anterior de 51 mortos. Segundo ela, a confusão aconteceu porque algumas mortes foram contadas “em dobro”.

Em uma declaração pública na manhã desta terça, o presidente americano, Barack Obama, declarou Oklahoma em estado de calamidade e pediu o apoio do governo federal para complementar os esforços do estado. Em discurso na Casa Branca, Obama disse que as dimensões humanas e econômicas do desastre ainda não são conhecidas, mas prometeu manter todo o apoio necessário até o fim dos trabalhos.

“Em um instante, vizinhanças foram destruídas, dezenas de pessoas perderam suas vidas e muitas outras foram feridas, inclusive crianças que procuravam abrigo em suas escolas. Nossas preces estão com as pessoas de Oklahoma hoje. Somos uma nação que permanece com seus cidadãos o tempo que for necessário”, disse. A declaração de calamidade abre caminho para a ajuda federal às áreas devastadas nos condados de Cleveland, Lincoln, McClain, Oklahoma e Pottawatomie, informou a Casa Branca em um comunicado.

Escolas – O tornado tinha 3 quilômetros de diâmetro e atingiu a localidade de Moore, vizinha a Oklahoma City. Pelo menos duas escolas foram fortemente atingidas, deixando vítimas soterradas. Esse foi o tornado mais letal nos EUA desde o que matou 161 pessoas em Joplin (Missouri), há dois anos. O Serviço Nacional de Meteorologia avaliou preliminarmente o tornado na categoria EF4, a segunda mais elevada da Escala Melhorada Fujita, o que implica ventos de até 320 quilômetros por hora.

(Com agências France-Presse e Reuters)