Tornados deixam ao menos 19 mortos no sul dos EUA | VEJA
Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Tornados deixam ao menos 19 mortos no sul dos EUA

Tempestades se estenderam por uma linha contínua de mais de 1.000 km, deixando 1,3 milhão de pessoas sem energia; costa leste deve ser próxima atingida

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 19h25 - Publicado em 13 abr 2020, 14h40

Uma sequência de tornados e fortes tempestades assolou o sul dos Estados Unidos na madrugada de segunda-feira, 13, deixando ao menos 19 mortos, reporta o jornal americano The Washington Post. Pelo menos seis estados foram atingidos: Kentucky, Geórgia, Flórida, Mississippi, Louisiana e Arkansas.

O violento temporal suscitou mais de 400 informes de intempéries, incluindo 360 relatos de danos causados ​​pelo vento. Mais de 1,3 milhão de pessoas entre o Texas e a Pensilvânia, sob linha contínua de mais de 1.000 quilômetros, ficaram sem energia.

ASSINE VEJA

O vírus da razão O coronavírus fura a bolha de poder inflada à base de radicalismo. Leia também: os relatos de médicos contaminados e a polêmica da cloroquina
Clique e Assine

O Mississippi foi o estado mais devastado pelos tornados, confirmando pelo menos 11 mortes por conta do mau tempo. Centenas de casas foram danificadas e mais de 72.000 pessoas no estado perderam energia em 18 municípios, segundo o jornal The New York Times.

Dois tornados maciços, um após o outro, fizeram caminhos paralelos dentro do Mississippi, provocando diversos alertas de “emergências de tornados” – usados quando um simples “aviso de tornado” não é o suficiente.

  • De acordo com o Serviço Nacional de Meteorologia dos Estados Unidos, ao menos 15 tornados foram gerados por fortes ventos e tempestades. O mau tempo havia sido previsto há cerca de cinco dias, mas autoridades de climatologia não poderiam saber exatamente quando ou onde os tornados poderiam se formar.

    Na tarde desta segunda-feira, o sistema de tempestades também adentrou a Carolina do Sul. No nordeste americano, estados entre Filadélfia e Boston se preparam para ventos violentos, o que inclui o de Nova York. São esperados ventos de até 110 km/h ao longo da costa, e até 80 km/h no interior.

    Um tornado é um fenômeno meteorológico que se manifesta como uma coluna de ar que gira de forma violenta e potencialmente perigosa, criando uma ponte entre a superfície da Terra e uma nuvem.

    Continua após a publicidade
    Publicidade