Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tigre que fugiu de zoológico na Geórgia mata uma pessoa

Sem ser alimentado há três dias, o felino está faminto e agressivo, disseram veterinários

(Atualizado às 10h57)

Um tigre branco que escapou do zoológico de Tbilisi durante as inundações do último domingo matou uma pessoa nesta quarta-feira, informou o Ministério do Interior da Geórgia. Sem ser alimentado há três dias, o felino está faminto, assustado e agressivo, disseram veterinários do zoo. O tigre atacou quatro pessoas perto de uma piscina desativada nas imediações do zoo. Uma delas morreu e outra ficou ferida. Depois de uma verdadeira caçada envolvendo policiais e bombeiros, o felino foi localizado abatido.

As autoridades de Tbilisi emitiram um alerta para as pessoas evitarem o bairro em que fica o zoológico, pois ainda há animais que não foram capturados. Centenas de animais se afogaram com a inundação do zoológico; as fortes chuvas e a força das águas danificaram as proteções e muitos outros escaparam. Leões, hipopótamos e ursos foram fotografados perambulando pelas ruas.

Leia também

Leões, tigres e uma onça que escaparam de zoo seguem desaparecidos

Quatro leões, dois tigres e uma onça ainda não foram encontrados, disse Khatia Basilashvili, porta-voz do zoo. Ao menos doze pessoas morreram e outras vinte ainda estão desaparecidas. Entre as das pessoas que morreram, nenhuma foi atacada pelos animais; todas foram vítimas de desabamentos. Cerca de 40 casas foram destruídas. Engenheiros do Exército georgiano e soldados da Guarda Nacional se juntaram aos operários para a limpeza e a manutenção da cidade.

(Da redação)