Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Texas abre investigação criminal sobre explosão em usina

Acidente em West, no dia 17 de abril, deixou 14 mortos e cerca de 200 feridos

Por Da Redação 10 Maio 2013, 13h58

As autoridades do Texas vão realizar uma investigação criminal sobre a explosão de uma fábrica de fertilizantes no mês passado, na cidade de West. A explosão deixou 14 mortos e cerca de 200 feridos.

“Esse desastre impactou seriamente a comunidade de West, e nós queremos assegurar que nada deixe de ser verificado e que todos os fatos relacionados ao incidente sejam revelados”, disse o diretor do Departamento de Segurança Pública do Texas, Steven McCraw.

Leia também:

Leia também: Vítima de explosão no Texas pede 1 milhão de dólares de indenização

Pelo menos 60 investigadores têm visitado o local da fábrica diariamente e já colheram mais de 400 depoimentos, na tentativa de descobrir como o fogo começou e o que causou a explosão, informou a rede americana CNN.

A companhia West Fertilizer, que operava a usina, foi notificada duas vezes por agências federais, desde 2006. Em 2012, a empresa foi multada em 5.250 dólares por estocar amônia anidra em tanques que não tinham rótulos de advertência apropriados. Inicialmente, a multa seria de 10.000 dólares, mas foi reduzida depois de a companhia adotar algumas medidas de correção.

Em 2006, a empresa voltou a ser multada, desta vez em 2.300 dólares e os proprietários foram notificados a corrigir problemas como a falta de um plano de gerenciamento de risco. No mesmo ano, a Comissão sobre Qualidade Ambiental do Texas investigou uma reclamação sobre um cheiro de amônia originário da fábrica de fertilizantes.

Prisão – Nesta sexta, um dos paramédicos que ajudaram no socorro às vítimas da explosão foi detido com materiais utilizados na fabricação de explosivos. As autoridades não informaram se a prisão de Bryce Reed Reed está ligada à investigação. Ele foi Indiciado por posse de equipamentos explosivos e poderá ser condenado a até 10 anos de prisão, além de multa de 250.000 dólares.

Continua após a publicidade
Publicidade