Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Tesouro dos EUA aumenta pacote de estímulo para US$ 1 trilhão

Para evitar recessão, governo envia ao Congresso plano que inclui dois pagamentos de ajuda aos americanos e US$ 50 bi para socorro da aviação civil

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 19h27 - Publicado em 18 mar 2020, 13h23

A Casa Branca vai elevar de 850 bilhões a 1 trilhão de dólares o pacote de estímulo à economia, como meio de estancar a potencial recessão gerada pela epidemia de coronavírus no país. O plano original previa um total de US$ 850 bilhões. O rascunho do projeto a ser enviado pelo Departamento do Tesouro ao Congresso dos Estados Unidos prevê a destinação de 500 bilhões de dólares para dois pagamentos separados a cada adulto americano e mais 300 bilhões de dólares em auxílio às pequenas empresas, que respondem pela maior parte dos empregos.

O pacote do governo de Donald Trump ainda destinará 50 bilhões em empréstimos para a aviação civil, que havia apelado à Casa Branca por ajuda nesse valor, e mais 150 bilhões em garantias e financiamentos para outros setores da economia duramente impactados pela esperada crise financeira, informou o jornal The New York Times.

Segundo o Times, os congressistas se mobilizam para acrescentar outras propostas ao pacote e planejam vota-lo nos próximos dias. O Tesouro programou a primeira parcela de pagamentos aos adultos americanos entre os dias 6 de abril e 18 de maio.

O banco JPMorgan estima recuo de 2% na atividade econômica neste primeiro trimestre e de 2% no segundo. Como meio de evitar a recessão, o Federal Reserve (banco central americano) cortou em 1,5 ponto porcentual a taxa de juros de referência em duas de suas sessões extraordinárias neste mês. A taxa em vigor varia entre 0% e 0,25% – a mesma praticada por anos depois da crise financeira global de 2008. O FED também decidiu recomprar 700 bilhões de dólares em ações do setor de seguros, como meio de injetar dinheiro na economia e de manter a oferta de crédito.

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês