Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Terceiro sobrevivente é retirado de dentro de cruzeiro acidentado na Itália

Por Da Redação 15 jan 2012, 10h07

Roma, 15 jan (EFE).- Marrico Giampetroni, comissário-chefe de bordo do navio ‘Costa Concordia’ que encalhou na sexta-feira à noite na ilha italiana de Giglio, localizado com vida dentro da embarcação 30h depois do acidente, foi resgatado neste domingo e levado para cidade de Grosseto.

Giampetroni foi encontrado nas primeiras horas deste domingo em uma área alagada, em uma parte do navio que os bombeiros tiveram dificuldade de acessar. Além da grande quantidade de água nesse andar do transatlântico, muitos materiais se soltaram no choque e outras partes ameaçam se desprender, o que tornou o resgate perigoso.

Os bombeiros chegaram até o comissário-chefe seguindo os ruídos feitos por ele a partir do interior do navio.

Após várias horas, os soldados conseguiram resgatá-lo e retirá-lo da embarcação. Ao invés de removê-lo de lancha até terra firme, como aconteceu até agora, ele foi colocado em um helicóptero que se aproximou do navio. A operação foi necessária porque o funcionário apresentava ferimentos em várias partes do corpo.

Até agora, os mortos estão mantidos em três, um peruano membro da tripulação e dois turistas franceses. Os feridos somam 50 e os desaparecidos 36 pelas últimas estimativas dos bombeiros. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade