Clique e assine a partir de 9,90/mês

Tensão máxima entre equipes de campanha de Obama e Romney

Por Da Redação - 17 jul 2012, 15h39

A equipe de campanha de Barack Obama acusou os conselheiros de seu rival Mitt Romney de terem “tocado o fundo do poço” depois de um ex-governador republicano ter afirmado que espera que o atual presidente democrata “aprenda a se tornar” americano.

“A equipe de campanha de Romney tocou oficialmente o fundo”, afirmou Lis Smith, uma porta-voz do comitê de campanha de Obama em um comunicado.

Na manhã desta terça-feira, a CNN indicou que o ex-governador de New Hampshire (nordeste) John Sununu havia dito em uma entrevista por telefone: “Eu desejo que este presidente (Obama) aprenda a ser americano”.

As tensões entre as duas equipes chegaram ao seu ponto máximo.

Continua após a publicidade

O comitê de Obama argumenta que Romney mentiu ao dizer que já não era diretor da sociedade de investimentos Bain Capital na época em que esta empresa envolveu-se em uma onda de demissões, entre 1999 e 2002.

Os democratas também exigem de Romney a divulgação de mais dados sobre sua situação financeira pessoal, incluindo seus ativos em paraísos fiscais, o que o candidato republicano se recusa a fazer.

Após a intervenção do ex-governador Sununu, “a questão é saber o que os republicanos vão inventar agora para evitar responder as sérias perguntas sobre as responsabilidades de Romney na Bain Capital, sobre seus investimentos em paraísos fiscais e contas bancárias no exterior”, disse Smith.

Romney e sua equipe replicaram com um argumento semelhante: que Obama prefere concentrar sua campanha atacando seu oponente pessoalmente para evitar responder por seu mau desempenho no campo econômico.

Continua após a publicidade

O ataque de Sununu segue a mesma linha de outros lançados por representantes da ala de extrema direita do partido republicano, que levantaram a dúvida sobre o fato de Obama ter nascido em solo americano.

Em 2011, a Casa Branca divulgou a certidão de nascimento completa do presidente, na qual se pode ler que ele nasceu em 4 de agosto de 1961 no estado do Havaí, no Pacífico.

Publicidade