Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Telesur divulga imagens de jornalista francês refém das Farc na Colômbia

O jornalista francês Romeo Langlois, refém das Farc há um mês e que deve ser libertado na quarta-feira, foi mostrado nesta segunda-feira em imagens divulgadas pela rede de televisão latino-americana Telesur.

Aparentemente em bom estado de saúde, sorridente e com uma toalha ao redor da cintura, o correspondente da rede France 24 foi gravado em um acampamento da guerrilha no meio da selva.

Nestas imagens, as primeiras divulgadas desde que Langlois foi sequestrado pelas Farc no dia 28 de abril quando a patrulha militar com a qual se deslocava para realizar uma reportagem sobre operações antidrogas foi atacada pelas Farc, o jornalista é visto com um curativo no braço.

“Uma pessoa sabe a que se expõe quando faz este tipo de atividades. Na verdade eu não pensava que isso se tornaria tão terrível”, disse o repórter no vídeo, que teria chegado à redação da Telesur.

Langlois, de 35 anos, foi ferido no braço em meio ao combate entre os militares que o acompanhavam e um grupo de guerrilheiros no departamento de Caquetá (sul da Colômbia).

Uma missão humanitária deve buscá-lo na próxima quarta-feira em algum ponto da selva da Colômbia, depois que as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) se comprometeram a libertá-lo.