Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Snowden publica manifesto em que justifica vazamentos da inteligência americana

O texto foi publicado na edição da revista alemã 'Der Spiegel' que chegou às bancas neste domingo. Publicação sugere que Alemanha conceda asilo ao americano

Por Da Redação 3 nov 2013, 12h01

Em manifesto publicado neste domingo pela revista alemã Der Spiegel, Edward Snowden, o ex-analista da Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos (NSA, na sigla em inglês), justificou os vazamentos que fez sobre métodos e alvos do serviço secreto como um “chamado por maior controle” sobre as agências de espionagem.

O texto recebeu o título de Um Manifesto pela Verdade e nele Snowden, de 30 anos, afirma que o debate sobre inteligência iniciado em vários países é benéfico. A revista afirma que recebeu o arquivo por meio de um canal criprografado.

“Em vez de causar danos, a informação que trouxe a público é útil, e isso está claro agora, porque reformas e leis estão sendo sugeridas”, escreveu ele. “Os cidadãos têm o direito de lutar contra a supressão de informações que lhe são essenciais. Aqueles que falam a verdade não estão cometendo nenhum crime.”

O manifesto foi publicado juntamente com reportagem da Der Spiegel, que defende que a Alemanha acolha o americano: “Asilo para Snowden”, diz a revista na capa.

Na semana passada, foi levantada a possibilidade de Snowden depor a promotores alemães na investigação dos indícios de que a chanceler Angela Merkel foi espionada pelos Estados Unidos.

Continua após a publicidade

Snowden poderia responder às perguntas por escrito ou falar com os promotores alemães na Rússia, onde se encontra desde julho, já que não pode deixar o país sob risco de perder o estatuto de refugiado.

Leia também:

Snowden vai começar a trabalhar em site russo, diz advogado

Numa carta aberta à Alemanha na semana passada, Snowden disse que contava com o apoio internacional para interromper a “perseguição” de Washington contra ele.

Admiradores têm Snowden como um herói dos direitos humanos. Outros dizem que ele é um traidor por roubar informações da NSA.

(Com agência Reuters)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês