Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Síria rejeitará soluções árabes para crise, afirma chanceler

A Síria irá, a partir de agora, rejeitar as “soluções árabes” para a crise que atinge o país, informou nesta terça-feira o ministro das Relações Exteriores sírio, Walid Muallem.

“Chega das soluções árabes”, disse Muallem em uma coletiva de imprensa transmitida pela televisão, depois de acusar a Liga Árabe de conspirar para internacionalizar a crise e de tomar decisões mesmo “sabendo que elas serão rejeitadas” pelas autoridades sírias.

Muallem também afirmou que seu governo está determinado a combater os “grupos armados” responsáveis por semear o caos no país.

“O governo sírio tem o dever de decidir o que é necessário fazer com estes grupos armados que semeiam (o caos) em algumas províncias”, ressaltou, acrescentando que a Rússia “jamais aceitará” uma ingerência estrangeira no país.

“Ninguém pode duvidar da força do relacionamento Rússia-Síria, já que é histórico e serve aos interesses dos dois povos”, completou.