Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Senador boliviano deixou o país em carro oficial, escoltado por militares brasileiros

Asilado há um ano na embaixada brasileira em La Paz, Roger Pinto chegou na madrugada deste domingo ao Brasil

O senador boliviano Roger Pinto, que estava asilado na embaixada do Brasil em La Paz, deixou seu país em um carro oficial do governo brasileiro e foi escoltado por soldados, disse neste domingo o presidente da Comissão de Relações Exteriores do Senado, Ricardo Ferraço (PMDB-ES), que recebeu o político em Brasília.

Pinto desembarcou pouco depois da 1 hora da madrugada deste domingo no aeroporto internacional de Brasília. Ferraço estava ao lado do senador boliviano, que vivia há um ano na embaixada brasileira na Bolívia alegando ser perseguido politicamente pelo governo Evo Morales.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores negou que Pinto seja um foragido da justiça boliviana, que o acusa de diversos crimes de corrupção pelos quais, inclusive, foi condenado em junho passado a um ano de prisão.

Leia também:

A carta de Fernando Tibúrcio, advogado do senador boliviano Roger Pinto Molina, escancara a arrogância afrontosa de Evo Morales e seus comparsas

(Com agência EFE)