Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Sem oxigênio por 20 minutos, príncipe corre risco de lesões cerebrais

Por Da Redação 19 fev 2012, 06h37

Viena, 19 fev (EFE).- O príncipe Friso, da Holanda, corre risco de lesões cerebrais devido aos 20 minutos que ficou sem oxigênio após ter sido soterrado por uma avalanche enquanto esquiava, informa neste domingo o site da emissora austríaca ‘ORF’, que cita fontes médicas.

Apesar do longo tempo que ficou sob a neve, Friso não sofreu danos em outros órgãos. O filho da rainha Beatrix está internado na Unidade de Terapia Intensiva do hospital universitário de Innsbruck, na Áustria, país onde passava férias e sofreu o acidente.

Segundo a ‘ORF’, ainda são incertos os rumores de que o príncipe sofreu um trauma cranioencefálico e uma inflamação cerebral. As fontes ouvidas pela emissora indicaram que, neste tipo de caso, é preciso esperar de três a quatro dias para que seja possível estabelecer um diagnóstico sobre danos cerebrais.

O acidente aconteceu na última sexta-feira, quando Friso esquiava fora das pistas da estação de Lech, região onde havia sido decretado um alto risco de avalanches. EFE

Continua após a publicidade
Publicidade