Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Schäuble acusa Grécia de evitar ajuda técnica alemã contra crise

Por Da Redação 19 fev 2012, 05h49

Berlim, 19 fev (EFE).- O ministro de Finanças da Alemanha, Wolfgang Schäuble, acusou a Grécia de não se deixar ajudar em temas técnicos para sair da crise, de acordo com entrevista publicada neste domingo pelo jornal ‘Tagesspiegel’.

Schäuble, que recentemente foi criticado pelo presidente da Grécia por suas declarações sobre o país, indicou que Atenas desdenhou repetidamente da ajuda técnica que seu Ministério ofereceu para pôr em prática as reformas estruturais exigidas para que consiga receber um pacote de ajuda da União Europeia (UE).

‘Ajuda-se quem se deixa ajudar. Estamos preparados há algum tempo para ajudar os gregos a montar uma agência tributária eficiente com funcionários (do Ministério alemão) de Finanças. A oferta não foi aproveitada até o momento’, afirmou.

Neste sentido, outro jornal alemão, o ‘Welt am Sonntag’, divulgou hoje um documento interno do Ministério das Finanças no qual contam vários exemplos da falta de resposta grega às ofertas de ajuda técnica.

‘O Ministério das Finanças considera que o crescimento na Grécia, junto com os esforços de consolidação, são fundamentais, e por isso mostrou seu interesse em reforçar a competitividade do país. Para o lado grego é claro que a implementação não é uma prioridade’, conclui este relatório.

Berlim considera que este comportamento é ‘inaceitável’, e por isso defende que entre as condições para o segundo resgate da Grécia seja especificada a necessidade de melhorar a cooperação técnica. EFE

jpm/id

Continua após a publicidade
Publicidade