Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Santiago registra incidentes após reunião em apoio à região de Aysén

Por Da Redação 22 mar 2012, 00h28

Santiago do Chile/Valparaíso, 21 mar (EFE).- Graves incidentes foram registrados na noite desta quarta-feira no centro da capital chilena após o término de uma reunião convocada pela Confederação de Estudantes do Chile em apoio a Aysén, que mantém um conflito desde 13 de fevereiro pelo isolamento que sofre essa região.

Depois que cerca de duas mil pessoas se concentraram na Praça de Armas, várias dezenas de estudantes do ensino médio se destacaram do grupo e tentaram deslocar-se até o Palácio de La Moneda.

Antes de chegar à sede do Executivo, no entanto, a Polícia impediu sua passagem ao utilizar jatos de água e gás lacrimogêneo.

A partir desses primeiros choques, o centro de Santiago viveu uma verdadeira batalha campal entre rapazes encapuzados e policiais.

Segundo constatou a Agência Efe, uma cabine de informações da Polícia foi incendiada, assim como vários móveis que foram retirados de pelo menos duas agências bancárias.

Continua após a publicidade

Os manifestantes também tentaram queimar a porta principal da Catedral Metropolitana de Santiago, mas a ação que foi repelida pelas pessoas que passavam pelo lugar.

Por enquanto, não há informações oficiais sobre detidos ou feridos nos incidentes.

Fontes judiciais, no entanto, confirmaram nesta quarta-feira que 14 das 20 pessoas detidas na noite de terça nos duros enfrentamentos entre moradores de Aysén e a Polícia foram processadas por desordem pública.

As mais graves desordens foram registradas no centro de Coyhaique, a capital regional, 1.670 quilômetros ao sul de Santiago, onde uma multidão saqueou e destruiu vários imóveis.

Com os protestos, que começaram em 13 de fevereiro, os moradores de Aysén, localidade de pouco mais de 100 mil habitantes, reivindicam medidas para mitigar o isolamento desta região, com significativos problemas de conexão e combustíveis muito caros. EFE

Continua após a publicidade

Publicidade