Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Route 91 Harvest: o festival country transformado em tragédia

Organizadora do festival foi também a responsável pela turnê da cantora americana Ariana Grande, suspensa após o ataque terrorista ao show em Manchester

O Route 91 Harvest, o festival realizado em Las Vegas neste domingo teve um final trágico. Segundo as autoridades americanas, 59 pessoas morreram e mais de 500 ficaram feridas após um atirador abrir fogo contra o público que acompanhava um show no domingo.

O autor do massacre, Stephen Paddock, um homem branco de 64 anos, disparou repetidas vezes de um quarto no alto do hotel Mandalay Bay, perto do local do festival que reunia mais de 22.000 pessoas. Segundo o FBI, Paddock agiu sozinho e provavelmente não tinha vínculos com grupos terroristas internacionais.

O festival

O Route 91 Harvest é um festival dedicado à música country e ontem encerrava sua quarta edição após três dias de shows. A estrutura do evento era composta por dois palcos, onde ontem ocorreram as apresentações de Jason Aldean, Eric Church e Sam Hunt. Aldean estava no palco quando começaram os tiros.

“Essa noite foi além do terrível. Ainda não sei o que dizer, mas só queria informar que eu e minha equipe estamos a salvo. Meus pensamentos e orações estão com todos os afetados. Me dói o coração que isso tenha ocorrido com quem só veio aproveitar o que deveria ter sido uma noite divertida”, disse Aldean nas redes sociais.

O Route 91 Harvest foi realizado no Las Vegas Village, um local multiuso e ao ar livre com 60.000 metros quadrados, localizado na famosa Las Vegas Strip, onde ficam os mais célebres hotéis e cassinos da cidade. Segundo informações iniciais das investigações, o responsável pelo massacre atirou contra o público desde o 32º andar do Mandalay Bay. Os tiros cruzaram a Las Vegas Strip até o local do evento.

 (Google Earth/Reprodução)

O festival contava com seis entradas diferentes para o público e, além dos shows, oferecia aos presentes uma variada oferta de entretenimento, com bares, restaurantes e lojas especializadas em moda country. Os ingressos para o festival estavam esgotadas. Os preços oscilavam entre 210 dólares (660 reais) para o pacote de três dias, na versão mais barata, e 750 dólares (2.360 reais) no valor mais caro.

O festival é organizado pela Live Nation, empresa responsável por turnês de grandes artistas. O executivo-chefe da companhia, Michael Rapino, expressou tristeza pelo ocorrido. “Nossos corações estão com as vítimas de Las Vegas, suas famílias e seus entes queridos que estão de luto nesta manhã e com nossos funcionários da Live Nation”, afirmou no Twitter.

A Live Nation também organizava a turnê da cantora americana Ariana Grande, suspensa após o ataque terrorista em um de seus shows no dia 23 de maio. A explosão matou 22 pessoas.

(Com EFE)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. 05/11/16 Trump Sofre Tentativa
    Assassinato Em Reno Nevada…
    20/01/17 Posse De Trump Com
    Country Music…
    23/08/17 Trump Recebido Sob
    Forte Protesto Em Reno Nevada
    Onde O Atirador Protestava…..
    02/10/17 O Mesmo Atira Contra
    Um Show Country Matando 59

    Curtir