Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ricky Perry decide seguir na corrida eleitoral republicana

Anúncio foi feito horas depois de ele anunciar uma reavaliação na campanha

Horas depois de sugerir que iria suspender sua campanha pela indicação do Partido Republicano nas eleições para a Presidência dos Estados Unidos, Rick Perry anunciou nesta quarta-feira que segue na disputa. Em seu perfil no Twitter, o governador do Texas afirmou que viajará à Carolina do Sul para continuar sua campanha nas primárias.

“E a próxima etapa na maratona é o estado do palmetto… aí vamos nós, Carolina do Sul!”, escreveu Perry, fazendo uma referência à palmeira que simboliza o estado. Junto à declaração na rede social, o republicano colocou uma foto em que faz sinal de positivo e veste roupas esportivas. Pouco depois, a decisão foi confirmada à rede americana CNN. “Voltamos”, disse uma fonte da campanha de Perry.

Leia também:

Leia também: Michele Bachmann está fora da corrida à Casa Branca

O governador do Texas obteve a quinta posição nos caucus (nome dado ao processo) de Iowa na terça-feira, com cerca de 10,3% nos votos. O resultado levou Perry a repensar seu papel na corrida presidencial. “Com a decisão dos eleitores esta noite, decidi retornar ao Texas, avaliar os resultados dos caucus, e determinar se existe um caminho mais adiante para mim nesta corrida”, declarou o pré-candidato perante seus seguidores logo após a divulgação dos resultados em Iowa.

Confira abaixo o desempenho de cada um dos candidatos nessa primeira votação:

Próxima etapa – No entanto, bastaram algumas horas para o político de 61 anos decidir seguir adiante com seus planos e com sua viagem para Greenville, na Carolina do Sul, estado que realizará suas primárias no dia 21 de janeiro. A campanha de Perry anunciou no último sábado que não participará das primárias de New Hampshire, que acontecerão no dia 10 de janeiro, e concentrará seus esforços no processo seguinte.

O governador do Texas investiu grandes recursos em Iowa, com mais de 500 voluntários e 4 milhões de dólares em publicidade, o que não impediu que a maioria dos votos fosse para o ex-senador Rick Santorum e para o ex-governador de Masachusetts Mitt Romney, que acabou vencendo por uma vantagem de apenas 8 votos.

Infográfico: Os republicanos que querem o lugar de Barack Obama

As primárias de Iowa foram as primeiras de uma série de mais de 50 que serão realizadas até agosto, quando uma convenção do partido define oficialmente o nome do candidato que enfrentará Barack Obama. Confira as datas:

(Com agência EFE)