Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Resort dos EUA usa máquina de fazer neve para tentar frear megaincêndio

Mais de 700 construções já foram destruídas pelo fenômeno batizado de Caldor Fire

Por Ernesto Neves Atualizado em 1 set 2021, 13h36 - Publicado em 1 set 2021, 13h21

Funcionários de resorts de esqui de Lake Tahoe, na Califónia, estão utilizando máquinas de neve artificial para tentar frear os incêndios florestais que vem avançando pela região.

De acordo com o jornal San Francisco Chronicle, o gelo tem sido depositado no entorno de construções, numa tentativa desesperada de encharcar o solo e impedir o avanço das chamas. 

Mesmo assim, mais de 700 construções já foram consumidas pelo fenômeno, batizado pelas autoridades americanas de Caldor Fire. Outras 33.000 estão sob risco de serem atingidas.

Numa corrida contra o tempo, os bombeiros estão usando teleféricos da estações de esqui para percorrer as montanhas, hoje tomadas pelas labaredas, com mais velocidade.

Impulsionados por fortes ventos, o incêndio Caldor Fire vem devastando a região de Lake Tahoe, um dos destinos turísticos mais populares da Califórnia, desde o fim de semana. Milhares de pessoas tiveram de evacuar as cidades da área às pressas.

De acordo com o corpo de bombeiros do estado, uma área equivalente a quase 80.000 campos de futebol já foi destruída.

Lake Tahoe, na Califórnia: máquinas de fazer neve tentam frear chamas
Lake Tahoe, na Califórnia: máquinas de fazer neve tentam frear chamas Getty/Getty Images
Continua após a publicidade
Publicidade