Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Republicanos se enfrentam em Washington, a três dias da ‘Super Terça’

A disputa republicana para eleger o candidato do partido que competirá pela Casa Branca em novembro será travada neste sábado no estado de Washington, no último duelo antes da “Super Terça” da próxima semana, quando dez estados elegerão seu favorito.

O remoto estado no extremo noroeste do país, na fronteira com o Canadá, é tradicionalmente um bastião democrata, mas também tem muitos eleitores que definem a si mesmos como independentes e que poderão participar do “caucus” (assembleia partidária) republicano e definir os resultados.

Mitt Romney, que recuperou sua condição de favorito diante do cristão conservador Rick Santorum em duas pesquisas nesta semana, recebeu também um novo impulso na sexta-feira, na véspera do “caucus” de Washington.

A última pesquisa do Public Policy Polling (PPP) calculou que Romney ganhará em Washington com 37% das preferências, contra 32% para o ex-governador da Pensilvânia Rick Santorum, 16% para Ron Paul e 13% para Newt Gingrich.

Romney fez campanha em Washington na manhã desta sexta-feira e depois viajou a Ohio, no outro extremo do país.

Apesar disso, o apoio que tem o representante do Texas, Ron Paul, entre jovens e independentes pode aumentar suas chances neste estado, que envia 43 delegados à convenção republicana de agosto, na qual será decidido finalmente quem competirá com o presidente Barack Obama nas eleições presidenciais de novembro.

Mas seus principais adversários, Santorum e Romney -que recuperou terreno depois de vencer facilmente no Arizona e de ter sobrevivido às primárias em seu estado natal Michigan- batalharão duro para receber um impulso antes da “Super Terça”.

A última pesquisa do PPP apresenta uma mudança drástica em relação aos resultados de duas semanas atrás, quando Santorum -que venceu em Colorado, Minnesota e Missouri- liderava com 38%, seguido por Romney com 27%.

“A notória mudança em Washington reflete o que aconteceu nas internas em nível nacional neste período de tempo”, comentou o PPP sobre sua última pesquisa, referindo-se às vitórias de Romney em Arizona e Michigan.

Mas acrescenta: “Ainda há esperança para Santorum”, já que “os resultados de alguns ‘caucus’ são normalmente difíceis de serem previstos em uma pesquisa”.

Os “caucus” de Washington -que não são vinculantes- acontecem três dias antes da “Super Terça”, como é conhecido nos Estados Unidos o dia em que a competição interna republicana ocorrerá em dez estados simultaneamente.

No dia 6 de março, os republicanos se enfrentarão em Alasca, Geórgia, Idaho, Massachusetts, Dakota do Norte, Ohio, Oklahoma, Tennessee, Vermont e Virgínia.

Alasca, Idaho e Dakota do Norte decidirão em “caucus”, enquanto o restante dos estados realizará primárias. A diferença é que o “caucus” é uma decisão em assembleias partidárias, enquanto as segundas são votações tradicionais.

Nesta confusa batalha para decidir qual é o candidato republicano que enfrentará Obama, Romney já venceu em seis estados; Santorum, em quatro; e o ex-presidente da Câmara dos Representantes Newt Gingrich, em uno.

No complexo processo da eleição interna republicana, cada estado atribui aos candidatos uma quantidade de delegados -às vezes sobre uma base proporcional e/ou não vinculante-, até que um dos concorrentes cruze a meta dos 1.144 delegados necessários para uma vitória.

Na terça-feira, estarão em jogo mais de 430 delegados.

Mas, embora esse dia possa ajudar a consolidar um favorito entre os republicanos, a disputa não estará decidida: ainda restarão 32 estados ou territórios não-incorporados (como Porto Rico) por decidir.