Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Republicano Jon Huntsman anuncia oficialmente a retirada da pré-candidatura

Ex-governador de Utah disse que está na hora de apoiar Mitt Romney

O ex-embaixador dos EUA na China Jon Huntsman anunciou nesta segunda-feira, em uma coletiva de imprensa, a retirada de sua pré-candidatura à presidência dos EUA. Como esperado, o republicano declarou o seu apoio ao ex-governador de Massachusetts Mitt Romney, que venceu as prévias em Iowa e em New Hampshire e lidera a corrida republicana à Casa Branca.

“Hoje, eu suspendo minha candidatura à presidência dos Estados Unidos. Está na hora de apoiarmos o candidato que tem mais chances de derrotar Barack Obama, e eu acredito que esse candidato é Mitt Romney”, anunciou Huntsman. Em discurso na Carolina do Sul, onde acontecerão as próximas primárias, acompanhado da mulher e quatro filhas, Huntsman pediu unidade ao partido em torno do candidato que possa enfrentar Obama, mesmo reconhecendo que ele e Romney têm “pontos de vista divergentes em relação a determinados temas”.

Huntsman também aproveitou o discurso para criticar a forte competição interna do Partido Republicano. “Essa corrida se degenerou até chegar uma série de ataques pessoais negativos que o povo americano não merece assistir neste momento crítico da história dos Estados Unidos”, afirmou. A saída do ex-governador de Utah já havia sido anunciada na noite de domingo pelo porta-voz da campanha, Tim Miller, em entrevista à rede americana ABC. Miller disse que Huntsman estava “orgulhoso de sua participação na corrida”, mas “não queria ficar no caminho” de Romney. Com Huntsman fora, aumentam as chances de Romney ser o escolhido para enfrentar o presidente Barack Obama nas eleições presidenciais de novembro.

Leia mais:

Leia mais: Os republicanos que querem o lugar de Barack Obama

Michele Bachmann – A desistência de Huntsman acontece depois de ele amargar um terceiro lugar nas primárias de New Hampshire, na semana passada, com 16,9% dos votos. Ele, porém, vinha recebendo apoio da imprensa da Carolina do Sul, onde acontecerá a próxima primária. Ele é o segundo pré-candidato republicano a sair da disputa – a primeira foi a conservadora Michele Bachmann, que desistiu após ser relegada ao sexto lugar no cáucus de Iowa, o primeiro estado a realizar as prévias.

Confira, abaixo, as principais datas das eleições nos EUA: