Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Relembre os 10 maiores genocídios da história mundial

Somadas, essas atrocidades levaram ao extermínio de 29,5 milhões de pessoas

Por Da Redação 27 jan 2012, 09h51

A palavra genocídio começou a ser usada com frequência depois do massacre de judeus na II Guerra Mundial. Mais de meio século depois, porém, sua definição continua a provocar discussões. Leis e correntes de estudiosos levam em conta, por exemplo, perseguições religiosas. Mas, segundo a própria origem da palavra, cometer genocídio significa tentar erradicar, por meio da violência, um grupo que possui os mesmos genes. Desse modo, genocídio é o assassinato de pessoas baseado na sua herança genética, ou seja, suas características étnicas – importa menos, portanto, religião, classe social, nível educacional ou a crença política das vítimas. Além disso, uma característica dos genocídios é que os opressores não se satisfazem em matar apenas seus oponentes ativos, eles caçam e eliminam todos os homens, mulheres, crianças e bebês do grupo étnico transformado em alvo.

Esta 6ª feira é o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, fato sangrento que marcou para sempre a história da Alemanha e deixou mais de 5,5 milhões de mortos. Mas este é somente um dos inúmeros episódios de extermínio que o mundo já presenciou. Outro caso chocante foi o genocídio de 972.000 armênios por turcos durante a I Guerra Mundial – assunto que voltou a ganhar força nas últimas semanas depois que a França decidiu punir com prisão e multa qualquer um que negue esse fato. Em The Great Big Book of Horrible Things (O Grande Livro das Atrocidades, em tradução livre), o escritor americano Matthew White recorda esses e muitos outros asssassinatos em massa que marcaram a história. Somando-se os dez mais bárbaros, o número de mortes ultrapassa 29,5 milhões – o que equivale, por exemplo, à atual população do Peru. Confira cada uma dessas atrocidades na lista abaixo:

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)