Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Prosseguem confrontos entre manifestantes e policiais no Cairo

Os confrontos no centro do Cairo entre manifestantes e forças de ordem prosseguiam neste domingo pelo terceiro dia consecutivo, após deixarem dez mortos e cerca de 500 feridos, constataram jornalistas da AFP.

Os confrontos, nos quais eram lançadas pedras e objetos de metal, ocorriam de ambos os lados de um muro de concreto levantado pelas forças de ordem em uma grande avenida que conduz da Praça Tahrir, epicentro dos protestos, à sede do governo, onde começaram os choques na sexta-feira.

Alguns manifestantes entraram no edifício do Instituto do Egito, incendiado na véspera, para pegar manuscritos antigos, dos quais uma parte pegou fogo, constatou um jornalista.

O centro foi fundado em 1798 durante a expedição ao Egito de Napoleão Bonaparte, para promover a pesquisa científica.

O ministério da Saúde anunciou na noite de sábado um balanço de 10 mortos e cerca de 500 feridos nos confrontos ocorridos na sexta-feira.

A promotoria ordenou manter em prisão por quatro dias mais de 17 pessoas detidas na sexta-feira.