Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Projeto ‘Valeu Boi’ vence concurso de cinema Uruguai-Brasil

Os projetos “Valeu Boi”, do Brasil, e “Otra Historia del Mundo”, do Uruguai, venceram o primeiro concurso binacional para o fomento de projetos de longa-metragem em co-produção, anunciou esta sexta-feira o Instituto de Cinema e Audiovisual do Uruguai (ICAU).

Os trabalhos premiados – que receberão o equivalente a 150.000 dólares cada um para sua realização – foram selecionados entre oito concorrentes apresentados, cinco com co-produção majoritariamente brasileira e três com co-produção majoritariamente uruguaia.

Dirigido por Gabriel Mascaro e apresentado por Malbicho Cine e Desvia Produções Audiovisuais, “Valeu Boi” foi eleito “por trazer uma história original de personagens que vivem a modernidade com insatisfação vital, sem cair nos estereótipos do nordeste brasileiro”.

Entre os projetos com co-produção majoritariamente uruguaia, foi escolhido “Otra historia del Mundo”, com direção de Guillermo Casanova e apresentada por Tres Mundos Cine y video e Lavoragine Films.

Os projetos suplentes são “Mulher do Pai” e “Relocos y Repasados”.

O diretor do ICAU, Martín Papich, informou no anúncio dos ganhadores que nos últimos quinze anos foram produzidas “não mais que meia dúzia de projetos em co-produção real, mas não formal” e confiou em que o acordo entre Uruguai e Brasil – firmado em outubro de 2010 – permita quadruplicar esta cifra, produzindo pelo menos dois projetos ao ano.

“A integração não se fala, se faz”, resumiu Papich.

O assessor da Agência Nacional de Cinema brasileira (Ancine), Eduardo Novelli, antecipou que no próximo ano será celebrada uma nova edição do concurso.

“É uma vontade política da Ancine (…) produzir mais e mais e (para isso) o Uruguai é um parceiro estratégico”, assegurou.