Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Príncipe Philip levado a hospital como ‘medida de precaução’

Em junho deste ano, ele foi internado em um hospital com uma infecção na bexiga, em meio às celebrações do Jubileu de Diamante da rainha Elizabeth II

O príncipe Philip, marido da rainha da Inglaterra, Elizabeth II, foi internado na Aberdeen Royal Infirmary nesta quarta-feira como uma “medida de precaução”, informou o Palácio de Buckingham. Segundo um porta-voz, o duque de Edimburgo passou mal durante sua estada em Balmoral com a rainha, sem dar mais detalhes. Em junho deste ano, ele foi levado a um hospital com uma infecção na bexiga, em meio às celebrações do Jubileu de Diamante de Elizabeth II.

A frágil saúde do príncipe, que tem 91 anos, também o levou a ficar quatro dias internado em dezembro passado, para tratar o bloqueio de uma artéria coronária. Philip e Elizabeth II se casaram em novembro de 1947 na Abadia de Westminster, cinco anos antes de ela ser coroada rainha. Eles têm quatro filhos – Charles, o primeiro na linha de sucessão, Anne, Andrew e Edward – que lhes deram um total de oito netos – incluindo William, o segundo herdeiro do trono, e Harry.

Gastos – Segundo um anúncio postado no site oficial da monarquia britânica, a rainha Elizabeth II procura atualmente por um novo motorista, e vai pagar salário anual de 23.000 libras (73.000 reais) ao futuro empregado – reforçando a fama da família real, frequentemente acusada de onerar demasiadamente os cofres públicos da Grã-Bretanha. A carga semanal é de 48 horas, e o local de trabalho será o próprio Palácio de Buckingham. O processo de seleção acaba em 31 de agosto.

O candidato deve ter carteira de motorista, habilidade de trabalhar bem em equipes pequenas, boa noção de administração e saber usar e-mail. Entre as atribuições da vaga, está dirigir membros da família real, oficiais e visitantes sob ordens do chofer superior. Também é necessário ajudar com a manutenção dos veículos e auxiliar na administração da garagem real. O futuro motorista real terá direito a acomodação gratuita quando acompanhar os membros reais e oficiais.