Clique e assine a partir de 9,90/mês

Primeiro voo entre Egito e Irã decola após 34 anos

Avião com apenas oito passageiros partiu neste sábado do Cairo rumo a Teerã, o que não ocorria desde a Revolução Islâmica, em 1979

Por Da Redação - 30 Mar 2013, 20h41

Um avião com oito passageiros decolou neste sábado do Cairo, no Egito, rumo a Teerã, no Irã. Foi o primeiro voo ligando as duas nações desde a Revolução Islâmica, no Irã, em 1979.

Leia também:

Irã não desenvolverá arma nuclear em menos de 1 ano, diz Obama

Corte administrativa suspende eleições no Egito

Continua após a publicidade

Os dois países concordaram em retomar os voos diretos em outubro de 2010, quatro meses antes da queda do ditador egípcio Hosni Mubarak. Nenhum voo, no entanto, aconteceu neste período.

As relações diplomáticas entre Egito e Irã foram rompidas logo após o início da revolução, quando o governo egípcio decidiu acolher em seu território o xá Mohammed Reza Pahlevi, derrubado pelos fundamentalistas islâmicos liderados pelo aiatolá Khomeini.

Os laços entre os países começaram a se estreitar com a eleição do islâmico Mohamed Mursi como novo chefe de estado do Egito, em junho de 2012. O presidente iraniano Mahmoud Ahmadinejad visitou o país egípcio em fevereiro – a primeira visita de um líder iraniano em mais de três décadas – e sugeriu uma aliança estratégica, além de oferecer ajuda financeira. Mursi, por sua vez, visitou o Irã em agosto para participar de uma cúpula internacional.

Saiba mais:

Continua após a publicidade

Saiba mais: ‘É hora de dar lugar para os mais jovens na política egípcia’

Publicidade