Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Primeiro-ministro do Iraque declara luto nacional por Soleimani

Adel Abdul Mahdi determinou que, a partir deste sábado, o país permaneça enlutado por três dias

Por Da Redação Atualizado em 7 jan 2020, 09h54 - Publicado em 4 jan 2020, 16h47

O primeiro ministro iraquiano, Adel Abdul Mahdi, declarou neste sábado, 4, três dias de luto nacional pela morte do comandante militar iraniano Qasem Soleimani, pelo líder de milícias iraquiano Abu Mahdi al-Muhandis e outros mortos num ataque aéreo dos Estados Unidos. “O primeiro-ministro e o comandante-em-chefe Adel Abdul Mahdi ordena luto nacional pelas almas dos mártires durante três dias a partir de sábado”, disse seu gabinete, em comunicado. Solemani foi assassinado em um aeroporto na capital do Iraque, Bagdá, na quinta-feira 2.

A milícia iraquiana Kataib Hezbollah alertou que forças de segurança do Iraque se afastassem de bases americanas no país, segundo a emissora de televisão al-Mayadeen. “Forças de segurança precisam ficar afastadas de bases americanas por pelo menos mil metros, a partir da noite de domingo”, teria dito a milícia, de acordo com a al-Mayadeen.

Um dia depois do assassinato do general, os Estados Unidos voltaram a atacar alvos iranianos no Iraque nesta sexta-feira, 3. O bombardeio aéreo atingiu dois veículos das Forças de Mobilização Popular, que coordena diferentes milícias apoiadas pelo Irã. Seis pessoas foram mortas e outras três ficaram feridas, informou uma fonte do Exército iraquiano. Neste sábado, um foguete caiu perto da embaixada americana na Zona Verde, área militarizada de Bagdá, capital do Iraque que reúne sedes de representação de diversos países, mas não causou vítimas.

(Com Reuters)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.