Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Primeiro-ministro do Gabão renuncia

Por Da Redação 14 fev 2012, 08h46

Dacar, 14 fev (EFE).- O primeiro-ministro do Gabão, Paul Biyoghe Mba, apresentou sua renúncia por mandato constitucional, após as eleições que seu partido ganhou em dezembro por arrasadora maioria, informou nesta terça-feira a ‘RTG’.

Segundo a emissora, a renúncia de Mba, comunicada ao presidente Ali Bongo na segunda-feira, está em conformidade com as disposições da Constituição, que preveem a cessação do governo após a proclamação dos resultados das eleições legislativas, avalizados no último sábado pelo Tribunal Constitucional.

Agora, o presidente Bongo pode renovar o mandato de Mba, no posto desde julho de 2009, ou nomear um novo primeiro-ministro.

Em declarações aos meios de comunicação, o premiê demissionário avaliou positivamente o trabalho de seu governo para iniciar o programa promovido pelo chefe de Estado para transformar o Gabão em um país emergente em 2025.

Os cidadãos do país votaram em 17 de dezembro para renovar a Assembleia Nacional, em uma eleição que teve como vitorioso o Partido Democrático Gabonês (PDG) de Bongo, que obteve 114 das 120 cadeiras em disputa para os próximos cinco anos.

As eleições foram marcadas pelo boicote da oposição, que exigiu em vão a revisão do processo eleitoral, e por uma baixa participação, que não chegou a 35% do eleitorado.

Esta votação foi a primeira convocada desde a escolha de Bongo, em 2009, poucos meses depois da morte de seu pai, Omar Bongo, que ocupou o poder durante quatro décadas

Após a morte do líder, Biyoghe Mba foi nomeado primeiro-ministro pela então presidente interina Rose Francine e mantido no cargo quando Ali Bongo foi eleito para suceder seu pai. EFE

Continua após a publicidade

Publicidade