Clique e assine a partir de 8,90/mês

Primeira vacina contra novo coronavírus pode estar pronta em 18 meses

A Organização Mundial da Saúde emitiu na semana passada um pedido para 675 milhões de dólares para 'apoiar as operações de resposta' à epidemia

Por Da Redação - Atualizado em 12 fev 2020, 09h30 - Publicado em 11 fev 2020, 18h17

A primeira vacina contra o novo coronavírus pode estar pronta em 18 meses, afirmou o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, nesta terça-feira, 11. Na semana passada, a OMS já havia pedido, como “apoio” no combate à epidemia, o investimento internacional de mais de 670 milhões de dólares para o desenvolvimento de uma fórmula de imunização.

“Enquanto isso, podemos fazer muito para impedir a transmissão e nos preparar para qualquer nova disseminação”, publicou Adhanom em sua conta oficial no Twitter.  “É importante lembrar que nós precisamos de investimento para conter o surto de #COVID19 [nome recentemente dado à doença] agora”, ressaltou.

Adhanom lembrou que a OMS emitiu um pedido para 675 milhões de dólares em 5 de fevereiro para “apoiar as operações de resposta” à epidemia. Também anunciou nesta terça que foi acionada uma equipe das Nações Unidas — a ser liderada pelo diretor-executivo do Programa de Emergências Sanitárias da OMS, Michael Ryan — para gerenciar a crise causada pelo surto.

O diretor-geral da OMS havia dito no domingo, 9, que os então 307 casos de pacientes infectados fora da China poderiam ser apenas a “ponta do iceberg” da disseminação da doença.

De acordo com o último relatório divulgado pela OMS nesta terça às 6h (horário de Brasília), o total de casos registrados mundialmente é de 43.103, dentre eles 395 fora do território chinês e espalhados entre 24 países. Ao todo, 1.018 pessoas morreram em decorrência da doença, apenas uma única fora da China, nas Filipinas.

Continua após a publicidade
Publicidade